segunda-feira, 4 de maio de 2009

Enfim, deu tudo certo. A chuva tentou atrapalhar mas o evento foi muito bom. Digo para mim, que tive lá muitos amigos a me abraçar e dividir aquele momento. Os parceiros de exposição Edson Calmon, Lucia Alfaya e Alberto Reis, que tornaram aquela tensão mais leve durante o "antes" com as brincadeiras e companheirismo e a Claudine e D.Matilde Matos - EBEC Galeria de Arte - que acreditaram e trabalharam para que tudo acontecesse muito bem.
Acho que este ano não quero mais exposições. Uma é bastante. Sempre digo isso, mas é muito trabalho e fico muito tensa nos dias que antecedem o fato. O tempo vai passando e vou esquecendo o frio na barriga, o nervosismo e termino entrando em outra, convencida pelos amigos de que só assim posso dividir o que faço, já que de dentro do meu atelier pouco posso fazer para difundir a arte que é o suor do meu trabalho. Gostaria de ter alguém que cuidasse da parte prática para mim pois esse é o grande sacrifício. Não tenho jeito nem paciência para embalagens, transportes, montagens, convites, etc. ou seja, tudo que se refere a operacionalização do evento. Mas essa já é outra discussão. Esse post está ficando longo, e ademais, a finalidade hoje é agradecer as presenças, as colaborações, os elogios, enfim, para todos, um beijo, outro, tchau.
Um dos meus trabalhos em exposição que permanece até 29.05.2009.
(Foto I.Moniz Pacheco)

2 comentários:

maria guimarães sampaio disse...

Cumaaade... èrico acaba de me dar alta. Vamos acertar (de mesmo) venha almoçar, a gente velsa e revelsa e depois vamos à expo. Que achas?
Beijo, ôto, tchau
Eu, sia cumade

aeronauta disse...

Parabéns, Ivonete! Seu trabalho é muito bonito!