quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Porto e cais. Mastros e velas. Cordas e nós. Correntes. Âncoras. Dominando tudo o forte cheiro de óleo e maresia. Restos.
Ouve-se longe os sons de risadas, gritos, gargalhadas. Paira no ar misturado a tudo o cheiro de perfume barato, suor, cachaça e fumo daqueles que pagam para se divertir.
No fundo de um barco, deitado na pôpa, um homem fita o céu estrelado. Insone, pita seu cigarrinho, alheio , sente dominando tudo o aroma de sua mulher, ouve o murmúrio das roupas rescendendo a suor doce, lembra seu vulto pelo barco como um elegante fantasma. Seu amor. Foi-se. Levou com ela sua alegria. Fugiu num outro barco, sem leme, sem âncora. Fugiu com outro pirata sem perna de pau, sem olho de vidro, sem cara de mau.
Trabalho e foto I.Moniz Pacheco
Acrílica sobre tela 0,50x0,90
Doada.

10 comentários:

Janaina Amado disse...

Ivonete, este casamento de arte plástica com texto está ficando bom demais! Maior revelação (ao menos para mim), você de escritora, tô gostando por demais.

Chorik disse...

Maria Sampaio com os contos inspirados em fotos e Ivonete Moniz Pacheco com os contos inspirados sobre pinturas. Fascinante essas meninas.

Bípede Falante disse...

Ivonete, que você era ótima com os pincéis a gente já sabia, mas com a palavras. Esse post está fantástico. Um miniconto sem tirar nem ponto, com um final inesperado, estranho e estimulante. Adorei! Parabéns!!!!

Edu O. disse...

Sempre bom velejar contigo!

maria guimarães sampaio disse...

Minha cumade arrasou no contito. A frase "Fugiu com outro pirata sem perna de pau, sem olho de vidro, sem cara de mau" é D+.
A imagem não está abrindo

Lucia Alfaya disse...

Lindo trabalho! Lindo texto! Parabéns!

maria guimarães sampaio disse...

Voltei, a imagem resolveu aparecer. Linda.

Bernardo Guimarães disse...

ô cumade,tá bunito dimais!!!

Nilson disse...

Tela e texto: que legais. Desafortunado marujo em um quadro tão bonito!

Bípede Falante disse...

Ivonte, um dia eu vou ter um quadro seu na minha parede, aqui grudado nos meus olhos.