segunda-feira, 19 de abril de 2010

Gente, estou derrubadíssima. Uma das tais viroses da moda me pegou legal (na minha santa ignorancia de interiorana, essa é a designação dos médicos para algo que eles não sabem ou tem preguiça de descobrir o que é). Estou há quatro dias sem força nem para levantar, sem apetite (isso é grave!), muita febre, dores por todo o corpo. Hoje, depois de muito repouso e hidratação me sinto menos pior e consegui passar por aqui para dar notícias. Quem já teve (pra meu espanto é um bocado de gente), diz que é assim mesmo e que a partir de hoje volto lentamente ao normal.
Trabalho e foto I.Moniz Pacheco
Acervo Maria Sampaio

7 comentários:

Chorik disse...

Melhoras, Ivonete. Se descartou dengue e h1n1 só pode ser essa tal de virose, o diagnóstico mais comum da medicina moderna.

Bernardo Guimarães disse...

ivonete:
sem querer defender a crasse, que tem muito picareta mermo, virose é foda, é uma entidade médica que diagnosticamos com relativa facilidade. dengue e h1n1 são viroses assim como centenas de outras. e é isso mesmo: repouso, boa alimentação ( quando a boca pedir) e água pradentro!
bj e melhoras.

Janaina Amado disse...

Ainda bem que pode chegar até aqui e dar notícias. Fique logo boa, para continuar produzindo belezas intrigantes quanto o trabalho da foto. Beijo.

Lucia Alfaya disse...

Ivonete, espero que você fique logo zerada, para poder voltar ao ateliê na quinta-feira próxima. Muito repouso, hidratação não alcoólica, vitamina C e cama muié! Trate bem desse corpitcho! Beijocas e até quinta!

aeronauta disse...

Ivonete, torço por sua melhora. Um abraço. O trabalho da foto é realmente intrigante, como disse Janaína.

Edu O. disse...

Tia, fique bem. bjs

Bípede Falante disse...

Ivonte, espero que você já esteja mais forte hoje. Só agora vi que estava adoentada. Beba bastante água, muito água e volte logo.